Arrume o quebra-cabeça da sua vida.

Olá!

Recebi pelo site a seguinte pergunta de uma leitora: “Eu sei que minha vida está enrolada, mas como faço para desatar esses nós?”.

Bom, eu confesso que achei interessante o questionamento dela porque sempre ouvi perguntas com esse expressão “desatar nós” direcionada a pessoas religiosas e trazer isso para a esfera “psi” é muito bom, na verdade, é bom mesmo! Certamente existe a possibilidade de essa leitora já estar compreendendo que mudanças só acontecem por meio da ação e para mim isso se inicia através de nós.

Quem nunca se enrolou na vida? Acertar e errar faz parte da vida e se enrolar não fica muito atrás disso. Gente, isso é normal. A questão é: você nunca consegue se desenrolar? Hum… aí o bicho pega.

Há inúmeras formas de se enrolar. Repare que se você pensar um pouco vai encontrar pessoas que se comportam assim:

  • Não sabe o que quer, por isso, atira por todos os lados;
  • Quer muitas coisas na vida, mas não sabe por onde começar;
  • Sabe o que quer, mas tem vários sonhos juntos e tenta dar conta de tudo de uma única vez;
  • Segue a indicação de muitos amigos e no final não consegue sair do lugar;
  • Diz que tem noção do que se quer, mas prioriza sonhos de outras pessoas;
  • Não se considera merecedora de realizar ou conquistar algo;
  • Nunca faz nada para mudar sua realidade;

Eu poderia citar inúmeros outros exemplos pra você entender que pessoas enroladas existem aos montes por aí e muitos são os comportamentos que podem contribuir para esse tipo de situação. Todavia, para sair desse processo uma dica importante do “psi” é: “analise suas imagens mentais”.

Eu sempre falo que nossos desejos precisam ser concretizados mentalmente numa imagem como se fosse uma fotografia. Digo isso porque os vejo como um quebra-cabeça que é sempre uma imagem recortada em milhares de peças. Assim é nossa vida, assim são nossos desejos.

Pense em algo que você deseja. Se imagine experimentando (usando) ou estando com seu objeto de desejo. Como você se sente, feliz, entusiasmado, motivado? Repare que nossas escolhas, nossos desejos, são sempre motivados por coisas ou pessoas que nos fazem bem ou, pelo menos, nos dão a sensação de nos fazer bem e por isso desejamos. Porém, é importante transformar nossos desejos para uma forma imagética, pois do contrário ficaremos apenas experimentando as sensações que ele pode nos proporcionar no âmbito psicológico sem nos envolvermos no movimento para torná-lo concreto.

Para desenrolar a vida é preciso saber o que se deseja, para a partir daí dar o primeiro passo. É necessário saber qual a imagem do quebra-cabeça você vai montar na sua vida. Imagine montar um quebra-cabeça sem saber o que se está montando, será que você conseguiria montar uma casa se achasse que a imagem do quebra-cabeça fosse de um cachorro? Podia até rolar, mas o tempo gasto na atividade seria bem maior e, consequentemente, mais enfadonho.

Quando você vai montar um quebra-cabeça normalmente você sabe a imagem que vai formar ao juntar todas as peças, por isso, a escolha de cada parte se torna mais fácil ou pelo menos mais diretiva. Na vida cotidiana isso também acontece e a maioria das pessoas tem dificuldades de montar seu quebra-cabeça porque não sabem a imagem que vai formar. Muitas pessoas não sabem para onde ir, o que querem, qual decisão tomar… Desse jeito o quebra-cabeça nunca é concluído mesmo e a vida continua enrolada. Qual a imagem da sua vida? Qual a imagem daquilo que deseja?

Definir a imagem da sua vida, seus desejos, é sempre o melhor passo para se desenrolar, ou seja, para desatar os nós. O começo é difícil mesmo, porém está mais próximo que você imagina, pois ele “encontra-se em você”. Somente você pode dar o primeiro passo e encontrar dentro de si as respostas para o alcance de seus objetivos, assim como, definir as imagens de seus desejos. Outras pessoas não podem decidir, escolher, te orientar no caminho certo porque os desejos dela não são os seus desejos. Pode ser que você já tenha a imagem, mas ainda não encontrou a peça perfeita para o encaixe, então comece procurando essa peça dentro de você, analisando seus desejos, suas motivações, seus sentimentos, seus pensamentos.

Definir o que se quer ou o caminho a seguir pode ser uma atividade trabalhosa e complicada, por isso, o autoconhecimento ajuda encontrar resposta para essas dúvidas que surgem pelo caminho. Se, por acaso, precisar e decidir procurar ajuda profissional pode me chamar inbox ou me escrever que terei o enorme prazer em auxiliá-lo nessa descoberta.

Qual peça você precisa encaixar para melhorar sua vida? Dê o primeiro passo…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s